8 de março de 2016

Elevação do lençol freático pode obrigar à remoção de moradores de Abunã para áreas mais altas

Compartilhe:
Cota do rio Madeira já ultrapassou a cota de alerta - Foto Decom

Cota do rio Madeira já ultrapassou a cota de alerta – Foto Decom

Com informações do Decom

O rio Madeira atingiu a cota de 15,20 metros nesta segunda-feira (7), ultrapassando a cota de alerta, que é de 14 metros, e o prefeito de Porto Velho, Mauro Nazif, decretou Estado de Alerta. De acordo com o secretário de Projetos Especiais e Defesa Civil (Sempedec), Vicente Bessa, se o nível do rio chegar a 15,50 metros, cerca de 150 casas poderão ser atingidas pela água na área central de Porto Velho e outras 200 no distrito de Abunã. A Sempedec alerta para a necessidade de transferir a população de Abunã para uma região mais alta porque o lençol freático da reguião está muito elevado, devido ao reservatório da usina de Jirau, de acordo com informações da Agência Nacional de Águas (ANA)

O decreto de Alerta autoriza a Sempedec a colocar em prática a primeira fase do Plano de Contingência, que inicia com um novo levantamento para identificar quantas famílias deverão ser retiradas. O trabalho será iniciado no centro da Capital, onde três familias já foram removidas, e na próxima semana se estenderá ao distrito de Abunã. As famílias afetadas devem ser levadas para locais seguros (casas de parentes ou apartamentos alugados) antes que as moradias sejam inundadas.

No próximo dia 14, uma equipe da defesa Civil Municipal vai percorrer todas as comunidades do baixo Madeira até o distrito de Demarcação. Os técnicos farão o monitoramento do nível do rio e das áreas de desbarrancamento e levantamento do número de famílias que estão em áreas de risco.

Seguindo uma rotina que se estende desde a chamada cheia histórica do Madeira, em 2014, quando o rio avançou sobre os distritos e contaminou os poços de abastecimento da população, os agentes da Sempedec vão levar água potável para os ribeirinhos.

Notícias relacionadas:

15 de fevereiro de 2016

Chuvas na Bolívia elevam nível do Madeira e Defesa Civil monitora áreas de risco em Porto Velho

[15/02/2016 - 22:43h] Compartilhe:Com informações do Decom Chuvas torrenciais registradas na região da Bolívia estão elevando rapidamente o nível do rio Madeira e […]

15 de maio de 2015

Defesa Civil alerta para perigo de transbordamento do Madeira nas zonas rural e urbana de Porto Velho

[15/05/2015 - 11:52h] Compartilhe:O alerta deve-se à possibilidade de haver repiquetes no rio, devido a intensas chuvas registradas nos rios Beni e Mamoré […]

25 de março de 2015

Defesa Civil atende desabrigados em seis municípios atingidos por alagações em Rondônia

[25/03/2015 - 11:26h] Compartilhe:O nivel do rio Madeira vem oscilando nos últimos dias. No interior, a situação é grave em Buritis, onde foi […]

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PUBLICIDADE